A POSSIBILIDADE DE PARTILHA DE BENS NA ALTERAÇÃO DO REGIME DO CASAMENTO