SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL JULGA CONSTITUCIONAL O FIM DA COBRANÇA DA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL